Pesquisar este blog

Ocorreu um erro neste gadget

sexta-feira, 22 de julho de 2011

Seu TROLL! UAHAHAUHAUHAUHA

A mãe pede ao filho para ligar ao pai, no celular, avisando a hora do jantar.

Mãe - E aí? O que ele disse? Já vem?

Filho - Já liguei três vezes, mãe, mas quem sempre atende é uma mulher.

Mãe - Deixa comigo! Aquele cachorro vai ver, quando chegar em casa!

Mal o pai aparece na frente da casa, a mãe parte par cima dele e lhe aplica a maior surra, com tudo o que encontra à disposição: cabo de vassoura, frigideira, tampa de panela... 

Os vizinhos se aproximam para ver o que está acontecendo, mas encontram a mulher irada!

Mãe - Safado, cafajeste!... Venha cá, filho! Diga aqui para todo mundo o que foi que aquela piranha falou prá você no telefone!

Filho - Ela disse: “o número para o qual você ligou encontra-se desligado ou fora de área”...



---
Filho TROLL! hauahuahauhauhauahuahauha

Beijões de Iselo* \o/

3 MOTIVOS

A empregada chega na patroa e pede um aumento no salário:


- Madame, estou precisando de um aumento. 
A senhora muito chateada pergunta: 
- Maria, porque você acha que merece um aumento? Você só está aqui há 3 meses. 
- Madame, há três razões porque eu acho que mereço um aumento. Em primeiro lugar, eu passo as roupas melhor do que a senhora. 
- Quem foi que disse isso? 
- Foi o patrão quem disse. Em segundo lugar, eu cozinho melhor do que a senhora.
- Que absurdo, quem disse isso? 
- Foi o patrão quem disse. Em terceiro lugar eu sou melhor na cama que a senhora. 
- O QUE?!?! Foi meu marido quem disse isso também?!?! 
- Não madame, foi o motorista... 
- E... QUANTO VOCÊ QUER DE AUMENTO, MESMO?...




Beijões de Iselo* \o/

Ah, o amor...

[Piadinha]

O senhor Joaquim e a sua esposa a senhora Petúnia formavam um casal muito especial, o seu caso era único em todo o mundo, eram um casal apaixonado que nunca tinha discutido. Certo dia o seu caso chegou aos ouvidos de um jornalista que perante o seu caso único decidiu entrevistar o casal num programa de televisão. Na entrevista e depois de apresentar ao público o caso do Joaquim e da Petúnia, casados há cerca de 52 anos sem nunca terem discutido.´
A entrevista começou e depois das apresentações, questionou o jornalista:
Jornalista: Diga-me uma coisa Sr. Joaquim, aqui só entre nós, você e a sua mulher nunca discutiram mesmo, nem mesmo uma vez?
Sr. Joaquim: Não.
Jornalista: Como é que é possível estarem casados há 50 anos e ainda serem um casal apaixonado sem nunca terem discutido?
Sr. Joaquim: Bem, tudo começou na nossa lua de mel. A minha doce mulher tinha uma gatinha que era a paixão da sua vida. Depois do casamento fomos como é tradição para a nossa lua-de-mel e a minha mulher fez questão de levar a gatinha na nossa viagem. Passeamos bastante, divertimo-nos e a gatinha andou sempre connosco. No 10º dia da lua-de-mel  a gatinha arranhou a Petúnia. Ela olhou para a gatinha e disse.
Petúnia: Um.
Sr. Joaquim: No 12º dia a gatinha arranhou a Petúnia novamente. Mais uma vez a minha querida mulher olhou para a gatinha e disse.
Petúnia: Dois.
Sr. Joaquim: No 15º e último dia da nossa lua-de-mel a gatinha assustada arranhou novamente a Petúnia, ela num gesto brusco saca de uma pistola e despejou tudo o que era bala na bichana. Eu como seria de esperar fiquei em pânico e disse-lhe: Mas para que é que foi isso mulher? Não tinha sido melhor teres repreendido a gatinha? Ela com toda a calma olhou para mim e disse.
Petúnia: Um.
Sr. Joaquim: Depois desse dia nunca mais tivemos um ameaço de discussão!!!




Beijões de Iselo* \o/

Guia Prático de Conversação... Alguém tem?

Deviam fazer um guia de "Como Manter Uma Conversa Com Pessoas Que Você Não Tem Intimidade". Venderia muito, sabe? Principalmente quem mora em prédio... Não tem coisa pior que silencio de elevador. A pessoa entra e fica virada para você, na sua frente, você não tem pra onde olhar. Olha pro teto, olha pras paredes, olha pro chão, olha pra mão... MAS NÃO OLHA PRA PESSOA!
Por que? Não sei, ainda, acho que é regra de elevador =S

Ou conversar com parente distante.. Meodeos! Sempre que alguém chega pra conversar comigo, é uma coisa meio assim:

Parente: Oi, tudo bom? =D
Iselo: Oi! Tudo, e você?
Parente: Tudo também. Como que tá o povo aí? Os pais tão bem?
Iselo: Aham... =D *gota*
(...)
Iselo: E aí? Tá todo mundo bem? =]
Parente: Com a graça de Deus! =D
*cri-cri-cri*


E acaba a conversa. -_______-'''''
Se alguém tiver uma solução, manda pra mim?? Deem-me uma luz!!
ahauhauhauahuaha



Beijões de Iselo*

terça-feira, 19 de julho de 2011

...E ERA VERDE! #tanaaaaaaaan

Esses dias abri a geladeira pra pensar esperando encontrar o que eu sempre encontro lá: NADA.
 Eis que dessa vez eu encontro um tapeware! \o/
Se tem uma coisa que eu gosto de encontrar na geladeira é tapeware. Na verdade, é meio que uma aventura abrir os potinhos... Pode ser a maior desilusão da sua vida, ou a maior felicidade de todas! Tapeware é uma alegria! Nunca se sabe o que se pode encontrar lá dentro. Você abre o de sorvete e tem feijão, abre o de margarina e tem bolo... É um mistério! =O

De qualquer forma, como algumas pessoas devem saber, minha geladeira serve só de enfeite aqui em casa. Normalmente só tem água e requeijão... Às vezes tem um ser alienígena hospedado, mas acho que eles preferem o vaso com a planta X da sacada. Sendo assim, tal qual não foi minha surpresa ao ver aquela caixinha de comida ali dentro? *oooooh*


Abri o coiso e um cheiro de amendoim foi direto na minha cara. Olhei para a hipotética comida e..



 ERA VERDE!!!! 
*tanaaaaaaaaaan*

A primeira coisa que eu pensei foi naquele filme do exorcista... Juro!
*duh!perdiavontadedesorvete*

Mandei o pote para análise científica e ainda estou esperando resultados... Pode ser algum novo ser vivo, sei lá, né?


Iselo* \o/

Casquinha

Ai, que vontade de comer uma casquinha ...

Eu quero, mãe! ó_ò

sexta-feira, 15 de julho de 2011

Parabéns pra você♪

Esses dias convidaram o pessoal aqui em casa para um suposto "caldinho" na casa de não sei quem, parente do fulano, vizinho do sicrano... então eu fui. Na verdade eu não tinha opção, já que era um daqueles eventos familiares onde todas as pessoas (primas/tias/avós/cachorro e papagaio) vão e, se você não vai, ficam te olhando torto pelo resto da vida.
[Aliás, lembrem-me de xingar o Theus depois.. brigada!]

Cheguei lá no bendito caldinho, cumprimentei todas as pessoas... Todas as tiazonas apertando minha bochecha... Isso porque nem começavam a falar nessa hora!! Olha só:
"NOOOOSSAAAAA! Como você cresceu, Iselo!! É a cara da... do... da... Oi, Sonia!" - e iam embora.


Sério, quem não adora fingir conhecer todo mundo em uma festa de desconhecidos? =D
Fiquei lá por pelo menos 3 horas de puro tédio. Pelo menos tinha comida, né? [claro, anta.. era um "caldinho" ¬¬]
Meus pais super empolgados com os amigos deles sentaram em uma mesa e eu sentei com meus primos do outro lado do salão. De acordo com a minha tia, era a mesa "dos jzoooooovenzzz".
hauhauahuahauhauah'

Tudo estava normal, até que a Doralice (?) chegou com um bolo de aniversário, entregou um chapéuzinho pra todo mundo e disse:
_GENTEEEE! HORA DO PARABÉNS!!! \o/

Olhei pros meus primos na mesa, todo mundo com cara de interrogação, tipo "AHN?!?!?! Que mané parabéns, mulher?? Pirou o cabeção, é???"
Minha prima pegou um papelzinho na mesa e leu: "Feliz aniversário, Juliana!"

Iselo: Quem é Juliana? o_o'
Prima: Não sei...
Primo: Que Juliana? Não era só caldinho hoje?
Prima2: Então, né.. Eu pensei que fosse... D:
Iselo: Oh NOES! Cumprimentei todo mundo e não dei feliz aniversário pra Juliana! (...) Quem é essa Juliana?!

Antes que alguém pudesse me responder, apagaram as luzes e começaram a cantar parabéns... Saca só:

TODOS: _Parabéns pra você Nessa data querida Muitas felicidades Muitos anos de vida...♪
*de repente*
pessoa random grita: _Com quem será? Com quem será? Com quem será que a Juliana vai casar?♫
*cri-cri-cri*
outra pessoa random: _ E VIVA À JULINAAAAAAA
*resposta*
TODOS: _ÊÊÊÊÊÊÊÊ... \o/
*até que*
pessoa X: _E PRA JULIANA NADAAAAA
TODOS: __ TUDOOOOO
pessoa X: __E COMO É QUE É???
TODOS: __É PIQUE! É PIQUE! É PIQUE É PIQUE É PIQUE! É HORA! É HORA! ÉORÉORÉORA!  RÁ! TIM! BUM! JUJUJUJUJUJUJUJUJU

***


Fala sério... Depois dizem que EU tenho problema nessa família -_-'''


Iselo* \o/

Learning english

Resolvi que preciso me empenhar mais nas línguas estrangeiras começando pelo inglês [para não ter problemas na escola com o inglês SHITUS deles]


Achei vários exercícios de vocabulário [booored] e comecei a entrar em jornais de notícias online para tentar entender melhor eles falando...


Não que seja difícil entender, mas é que a maioria dos estado-unidenses falam atropelando as palavras, estilo fórmula indie, e eu não consigo captar muita coisa -_-''
Aliás, tem alguns países, tipo a austrália, que eles parecem falar com uma batata na boca, mas tudo bem xDD


Outro problema meu é pronunciar algumas coisas... Não dá!!!
Eu tento, tento, tento, mas não consigo! É mais forte que eu D:



video

Mas chega de lamuriar! Vou indo fazer alguma coisa útil aqui... ou não /o/
MUAHUAHUAAAA


Iselo* \o/

A cobra e o vagalume.

         Em um certo bosque, num certo lugar do planeta, morava uma cobra e um vagalume. Um dia a cobra decidiu que comeria o vagalume e, assim, começou a persegui-lo, rastejando pelas copas das árvores e pelo chão cheio de folhagem. 
        Por três dias e três noites o vagalume pôde voar e fugir da temível predadora, mas, já cansado, teve que parar para um descanso. Como sabia que seria devorado pela peçonhenta, quando ela se aproximou para abocanhá-lo, pediu-lhe três perguntas antes de morrer. 
         A cobra pensou, pensou... Não era do tipo que concedia desejos aos outros, mas como o pirilampo já estava para ser comido mesmo, deixou-o perguntar o que queria.
        _Cobra, eu faço parte de sua cadeia alimentar? - ele perguntou.
        _Não. Não faz.
        _Cobra, eu lhe fiz algum mal? - perguntou novamente.
        _Não. Não fez.
        _Então por quê, Cobra? - ele disse, enfim, crente que talvez pudesse amolecer o coração frio da cobra.
        _Porque, vagalume, eu não suporto lhe ver brilhar...
        



Iselo* 

quarta-feira, 13 de julho de 2011

LEGENDAGEM

Primeiro da saga que está por vir.. MUHAUAHUAAAA!

Videos de legendagem! \o/
Não sacou? Então... Umas pessoas pegaram algumas músicas e fizeram uma "legenda" em português.
O detalhe é que as palavras não são o que a música realmente significa, mas, sim, o que elas parecem significar pelo som =D

Não deu ainda né? -.-'
Esquece e só vê, então ↓



Se alguém achar mais algum video legal, mada aqui que a gente posta \o/
hadisha.ahsidah@gmail.com


Iselo*\o/

Isso explica muita coisa...



Sempre soube que havia algo naquela batatinha... *eyes*~





Iselo* \o/

Especial de gatinhos

Fui vasculhar minhas coisas e fazer limpeza nas minhas coisas e achei esses videos...
Preciso confessar que eu não sou muito fã de gatos.. mesmo... mesmo mesmo, mas esses videos são bons \o/


ALÁ!



É, gatos.. eu entendo vocês... UAHUAHAUAHUAHA

*


muy caliente♥
UAHAUHAUHAUAHUAH

***

nyah cat, claro =P



E agora, no fim, para encerrar essa finalização....

hauAHuahUAHuahUAHuahauHAUahUAHauhAUhA





Iselo* \o/

Magali no Largo da CArioca

ALOKA!











Iselo*\o/

domingo, 3 de julho de 2011

Ai, que eu acho no trânsito... meodeos...

Depois de muito tempo sem postar nada, aqui estamos novamente xD

Finalmente (finalmente mesmo) chegaram minhas férias *o*
Desde sexta-feira estou aqui mirabolando coisas para fazer durante julho, afinal será UM MÊS DE PURO ÓCIO! [ooooh! *música dos céus*]

Anyway! Outra hora faço uma postagem sobre isso, porque daqui a poucos minutos vou sair pra almoçar com meus pais -.-'

Não sei como é nas cidades por aí, mas aqui em SJC domingo tem cara de pagode. Como assim? Simples: TODAS as rádios resolvem tocar pagode.
Deve ser algum plano para fazer as pessoas ficarem com vontade de fazer churrasco na laje e tocar umas músicas horríveis enquanto você finge conhecer todas as pessoas presentes naquele almoço õ.ò''

Enfim! Estava eu e minha mãe andando de carro até a loja de construção para comprar saboneteiras (?) quando, sem mais nem menos, ao parar no semáforo, começa a música na rádio...

"Sai da minha aba, sai pra lá"♪

*pausa*
Essa música é daquelas que marcam toda uma geração, porque todas as pessoas sabem cantar e que nunca (nunca mesmo) saem da sua cabeça... Aliás, tenho quase certeza que você leu a frase no ritmo da música.

*volta*

Olhei para o carro do lado e tinha um motorista sozinho dentro do carro dançando frenéticamente... Sério... O cara estava muito louco!!!

Uma coisa meio:



Medo... FUJAAA! /o/

Well... Vou indo lá antes que briguem comigo porque o elevador já chegou D:


Fui! =*